21/08/2019

AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE SITUAÇÃO DE ABRIGOS PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Denúncias de negligência no atendimento a crianças e adolescentes vítimas de exploração sexual infantil têm se tornado constantes em Santos. Os relatos de servidores públicos e jovens que passaram pelo serviço trazem uma realidade de abandono nos abrigos municipais voltados ao segmento. Para apurar as ocorrências e buscar soluções para este gargalo social, a vereadora Telma de Souza realiza uma audiência pública sobre a situação dos abrigos para crianças e adolescentes no Município. O evento acontece no dia 30 de agosto, às 18h30, na Câmara Municipal.

 

Presidente da Comissão Parlamentar de Direitos Humanos, Telma ressalta que não é possível cruzar os braços diante da avalanche de denúncias sobre os casos. “Estamos falando de vidas humanas. Há meninas e meninos, principalmente homossexuais, vítimas de exploração sexual infantil. E, de acordo com alguns depoimentos, este número vem aumentando a cada dia. Muitos saem dos abrigos, onde há pouca ou quase nenhuma oferta de atividade para ocupação do tempo, e vão para a rua, onde estão expostos a todos os perigos, e de noite retornam ao abrigo para dormir”.

 

A ex-prefeita alerta que a Cidade não pode “varrer esta questão para debaixo do tapete” porque o problema é grave e as vidas dos menores estão em risco. Telma pontua que o enfrentamento precisa ser feito, por isso solicitou a audiência pela Comissão de Direitos Humanos. “Houve uma menina que tentou o suicídio no programa ‘Tô ligado’ e, posteriormente, acabou falecendo. Há casos de meninas e meninos juntos, no mesmo abrigo. Outros adolescentes acabam dormindo pelas ruas. É uma situação degradante e que precisa ser debatida com muita seriedade”, reforça a parlamentar.

 

 

Leia também

TELMA COBRA CDHU E COHAB SOBRE REAJUSTE NO SÃO MANOEL

Ver mais

TELMA QUESTIONA MORTE DE MUNÍCIPE NA UPA APÓS DEZ ATENDIMENTOS 

Ver mais

TELMA COBRA VOTAÇÃO DE PROJETO QUE PROÍBE INCINERADORES DE LIXO EM SANTOS

Ver mais