20/10/2004

Funcionários públicos fazem a maior reunião da campanha de Telma

Cerca de mil servidores públicos municipais estiveram reunidos com Telma de Souza na noite de terça-feira (19/10), numa das maiores reuniões públicas já realizadas pela candidata nesta campanha eleitoral. O amplo salão do Albergue Noturno, onde aconteceu o encontro, ficou pequeno para receber os participantes. Alguns tiveram que acompanhar do lado de fora, em frente ao prédio. Numa fala constantemente interrompida por aplausos e gritos de aprovação, Telma expôs ao funcionalismo suas propostas para a categoria e lembrou a relação de confiança e valorização profissional mantida durante o seu governo. “Meu projeto para o funcionalismo começa com a recuperação salarial, que não será de uma vez, porque não sei como vou encontrar as finanças da Prefeitura, mas com certeza farei. Quero também criar uma central de qualificação profissional, cursos de inclusão digital, fazer a reestruturação das carreiras, corrigir situações de desvio de função, aparelhar e reforçar a Guarda Municipal”, adiantou a candidata, ressaltando que uma Prefeitura só dá certo se o funcionalismo compra a idéia.“Deixei o governo de Santos com 97% de aprovação popular, segundo o Datafolha. Isso só foi possível porque o servidor soube compreender o projeto, se esmerou, e era a Telma dentro de sua repartição. Tive a honra de ter o funcionário municipal como meu braço direito e meu braço esquerdo, recebi tratamento de rainha. Depois de tantos anos, continuamos com esta relação de confiança e amizade. Sou a companheira a quem durante algum tempo vocês vão me dar uma caneta para resolver”, afirmou a candidata, que distribuiu a versão impressa de seu programa de governo, que contém as propostas para diversas áreas de ação. “Sem o funcionalismo isto não se realiza”.Telma alertou os trabalhadores sobre os boatos que estão sendo criados e espalhados pela campanha de seu oponente e declarações feitas para confundir. “No meu governo, acionávamos um gatilho automático de aumento salarial toda vez que a receita aumentava. Agora, depois de deixar vocês oito anos sem reajuste, eles estão dizendo que a receita permite dar aumento salarial. Se é verdade, por que deixar para o ano que vem, por que não dar já para que os servidores tenham um Natal melhor?”.Alguns funcionários entregaram a Telma um álbum de fotos mostrando a precariedade dos equipamentos de saúde, com ambulâncias sem maca, camas hospitalares enferrujadas, entre outros problemas, e denunciaram o desmantelamento do Programa de Internação Domiciliar (PID), criado no governo de Telma. “Tem gente sofrendo por falta de amor. O dinheiro público é sagrado, são as pessoas que interessam. Tenho experiência, sou honesta, moro aqui e vou voltar para nós todos governarmos para toda a cidade”.Coragem - Também funcionário público, mas do Governo do Estado (foi oficial de justiça por 8 anos e há 16 é promotor de justiça), o candidato a vice, Pablo Greco, parabenizou os servidores presentes “pela coragem de estarem aqui com a candidata que será a futura prefeita de Santos”. Pablo também alertou sobre o caminho que o adversário escolheu para sua campanha: “estão lançando mão do saco de maldades, espalhando boatos do tipo que Telma trará milhares de pessoas de fora para trabalhar em Santos, como se a Prefeitura pudesse absorver 5, 10 mil funcionários. É puro desespero, mas não podemos ficar passivos. Esta eleição vai ser ganha nos bastidores, na convicção. Estou na campanha porque acredito no resgaste da alma da nossa cidade. Temos honestidade de propósitos, queremos governar para toda a cidade”.Ao final, dezenas de servidores fizeram questão de cumprimentar e abraçar Telma, pedindo a sua volta ao comando do Executivo Municipal e manifestando vontade de participar deste final de campanha do segundo turno. Telma abraçou a todos.Também participaram da reunião a deputada estadual Maria Lúcia Prandi, as vereadoras Cassandra Maroni e Sueli Morgado, e a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Santos, Ana Lúcia Ramos.

Leia também

CÂMARA PRESTA HOMENAGEM AOS 15 ANOS DA UNIFESP BAIXADA SANTISTA

Ver mais

TELMA PROPÕE CRIAÇÃO DE  PASSE LIVRE PARA ESTUDANTES

Ver mais

TELMA REALIZA SESSÃO SOLENE EM HOMENAGEM AO DIA DE ALLAN KARDEC

Ver mais