27/03/2020

POPULAÇÃO DE RUA NÃO TEM LOCAL PARA ISOLAMENTO EM CASO DE CORONAVIRUS 

A população em situação de rua de Santos não tem um espaço público adequado para cumprir a quarentena em caso de contaminação pela pandemia do novo coronavirus (Covid-19). Atenta ao aumento da proliferação a partir desta semana, a vereadora Telma de Souza solicitou à Prefeitura de Santos a ampliação de espaços para acolhimento dos moradores em situação de rua.

Presidente das comissões parlamentares de Saúde e de Direitos Humanos, Telma encaminhou ofícios com o pleito para as secretarias municipais de Saúde e de Assistência Social. A vereadora cobra ampliações dos espaços de isolamento, com destinação de áreas isoladas para acompanhamento de casos suspeitos e confirmados, que precisarão cumprir o período de quarentena.

Medidas de proteção aos moradores em situação de rua vêm sendo pedidas pela parlamentar desde o anúncio da pandemia. Como as ações não foram suficientes, os abrigos municipais já atingiram sua capacidade de lotação e um morador de rua apresentou sintomas de Covid-19, sendo orientado pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) a ficar em quarentena. Os funcionários do abrigo conseguiram colocá-lo em um espaço de isolamento.  

Preocupada com os próximos casos que, inevitavelmente, virão, a ex-prefeita de Santos defende ações mais consistentes. "As pessoas que vivem nas ruas já perderam tudo. Estão expostas às piores condições sanitárias e possuem um potencial de transmissão muito alto. Como fazer o enfrentamento de forma adequada se não pensarmos neste segmento?", avalia Telma.

À frente das comissões parlamentares de Saúde e de Direitos Humanos, a vereadora cobra ainda o fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os profissionais dos abrigos.

 

FOTO: Nair Bueno / DL

Leia também

TELMA DEFENDE 5% DO ORÇAMENTO MUNICIPAL PARA ASSISTÊNCIA SOCIAL

Ver mais

PRIMEIRAS VACINAS DE DOSE ÚNICA CHEGAM PARA A POPULAÇÃO DE RUA DE SANTOS

Ver mais

PRESIDENTE DA COMISSÃO DE SAÚDE AFIRMA: “DESORGANIZAÇÃO DA VACINAÇÃO EM SANTOS SERÁ DENUNCIADA AO MINISTÉRIO PÚBLICO”

Ver mais