18/12/2019

TELMA DENUNCIA FILA DE ESPERA NA SAÚDE DE SANTOS AO MINISTÉRIO PÚBLICO

Pacientes chegam a esperar até quase quatro anos para serem atendidos


A vereadora Telma de Souza protocolou, na tarde desta quarta-feira (18), uma denúncia no Ministério Público sobre a fila de espera no atendimento em Saúde no município de Santos. A ex-prefeita preside a Comissão Parlamentar de Saúde e Higiene da Câmara Municipal e recebeu confirmação da própria Secretaria Municipal de Saúde acerca da demora de quase quatro anos para consultas, exames de especialidades e oferta de cirurgias eletivas.

A partir das respostas dadas pela Secretaria a um requerimento de sua autoria, Telma identificou que uma consulta com cirurgião dentista protesista parcial, por exemplo, pode demorar 43,8 meses. A situação é similar para uma consulta com geriatra. Numa cidade como Santos, com grande concentração de idosos, a consulta com um especialista da área pode demorar 33 meses. “É inaceitável que mais de 30% das demandas por especialidades apresentem tempo de espera maior do que um ano. Estamos falando da saúde das pessoas, de vidas humanas. As pessoas morrem aguardando atendimento. A demora na fila de espera é fatal”, pontua Telma.

A fila de espera por consultas especializadas aumenta a cada dia. Assim como a consulta com o médico geriatra, um paciente aguarda 32,8 meses para passar por um infectologista. Já o atendimento com neurologista, oftalmologista, nutricionista, ortopedista e traumatologista demora, respectivamente, 23, 21, 21 e 18 meses.

As cirurgias eletivas, aquelas que podem ser programadas, também enfrentam este problema. “Recentemente, acompanhamos o caso de um paciente que necessitava, com urgência, de uma cirurgia de próstata que nunca foi marcada. Tivemos ainda o falecimento de um idoso que ficou internado por várias semanas esperando tratamento cirúrgico vascular. Chega a ser desesperador!”, relata a parlamentar.  

Regularmente, a vereadora Telma apresenta requerimentos cobrando soluções sobre os graves problemas na política de Saúde. No início de 2018, a ex-prefeita de Santos apresentou ao Executivo 10 Propostas para a Saúde de Santos voltar a melhorar e não obteve respostas. Uma destas propostas prevê a ampliação no número de especialistas e serviços de referência. 

Em abril deste ano, a parlamentar apresentou o pedido para a instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar a gestão das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), administradas por Organizações Sociais (OSs), devido ao elevado número de denúncias de negligência, mas a CEI não obteve o número suficiente de assinaturas de vereadores para ser criada.

Histórico
Telma foi prefeita de Santos de 1989 a 1992 e responsável pela implantação do Sistema Único de Saúde (SUS) no Município. O Governo Telma de Souza construiu e implantou as primeiras 23 Policlínicas da Cidade, tornando-se referência para todo Brasil. A implantação da Política de Redução de Danos, o combate à Aids e a luta antimanicomial no País também foram pioneiros em Santos, sob o comando da então prefeita Telma de Souza.

Leia também

VITÓRIA: PREFEITURA VAI RETOMAR O PAGAMENTO DO CARTÃO BOLSA ALIMENTAÇÃO

Ver mais

TELMA REALIZA ORÇAMENTO PARTICIPATIVO ON LINE PARA EMENDAS PARLAMENTARES DE 2021

Ver mais

MP INSTAURA INQUÉRITO CIVIL CONTRA PREFEITURA POR FIM DO CARTÃO BOLSA ALIMENTAÇÃO 

Ver mais