18/12/2019

TELMA DENUNCIA FILA DE ESPERA NA SAÚDE DE SANTOS AO MINISTÉRIO PÚBLICO

Pacientes chegam a esperar até quase quatro anos para serem atendidos


A vereadora Telma de Souza protocolou, na tarde desta quarta-feira (18), uma denúncia no Ministério Público sobre a fila de espera no atendimento em Saúde no município de Santos. A ex-prefeita preside a Comissão Parlamentar de Saúde e Higiene da Câmara Municipal e recebeu confirmação da própria Secretaria Municipal de Saúde acerca da demora de quase quatro anos para consultas, exames de especialidades e oferta de cirurgias eletivas.

A partir das respostas dadas pela Secretaria a um requerimento de sua autoria, Telma identificou que uma consulta com cirurgião dentista protesista parcial, por exemplo, pode demorar 43,8 meses. A situação é similar para uma consulta com geriatra. Numa cidade como Santos, com grande concentração de idosos, a consulta com um especialista da área pode demorar 33 meses. “É inaceitável que mais de 30% das demandas por especialidades apresentem tempo de espera maior do que um ano. Estamos falando da saúde das pessoas, de vidas humanas. As pessoas morrem aguardando atendimento. A demora na fila de espera é fatal”, pontua Telma.

A fila de espera por consultas especializadas aumenta a cada dia. Assim como a consulta com o médico geriatra, um paciente aguarda 32,8 meses para passar por um infectologista. Já o atendimento com neurologista, oftalmologista, nutricionista, ortopedista e traumatologista demora, respectivamente, 23, 21, 21 e 18 meses.

As cirurgias eletivas, aquelas que podem ser programadas, também enfrentam este problema. “Recentemente, acompanhamos o caso de um paciente que necessitava, com urgência, de uma cirurgia de próstata que nunca foi marcada. Tivemos ainda o falecimento de um idoso que ficou internado por várias semanas esperando tratamento cirúrgico vascular. Chega a ser desesperador!”, relata a parlamentar.  

Regularmente, a vereadora Telma apresenta requerimentos cobrando soluções sobre os graves problemas na política de Saúde. No início de 2018, a ex-prefeita de Santos apresentou ao Executivo 10 Propostas para a Saúde de Santos voltar a melhorar e não obteve respostas. Uma destas propostas prevê a ampliação no número de especialistas e serviços de referência. 

Em abril deste ano, a parlamentar apresentou o pedido para a instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar a gestão das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), administradas por Organizações Sociais (OSs), devido ao elevado número de denúncias de negligência, mas a CEI não obteve o número suficiente de assinaturas de vereadores para ser criada.

Histórico
Telma foi prefeita de Santos de 1989 a 1992 e responsável pela implantação do Sistema Único de Saúde (SUS) no Município. O Governo Telma de Souza construiu e implantou as primeiras 23 Policlínicas da Cidade, tornando-se referência para todo Brasil. A implantação da Política de Redução de Danos, o combate à Aids e a luta antimanicomial no País também foram pioneiros em Santos, sob o comando da então prefeita Telma de Souza.

Leia também

TELMA REIVINDICA TESTE EM MASSA PARA A POPULAÇÃO 

Ver mais

TELMA QUESTIONA FALTA DE REMÉDIOS PARA GRIPE E TRATAMENTOS RESPIRATÓRIOS

Ver mais

TELMA: "CORONAVÍRUS AUMENTARÁ DEMANDA POR SERVIÇO DE SAÚDE MENTAL E EXIGE PLANEJAMENTO DA PREFEITURA"

Ver mais