11/10/2004

Telma esclarece cirurgia a jornalistas

A candidata Telma de Souza recebeu a imprensa em sua casa na tarde desta segunda-feira (11/10), quando esclareceu as circunstâncias da cirurgia  a que foi submetida no último dia 6, no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, e respondeu a todas as questões apresentadas pelos jornalistas.Mostrando muita disposição e bom humor, Telma, que teve alta hospitalar na manhã de domingo (10/10), contou aos repórteres que passou por uma histerectomia (retirada do útero), num procedimento preventivo para evitar futura conseqüência à sua saúde. A candidata foi atendida pelos médicos Thyrson Fraga e Fausto Baracat.Como é natural no pós-operatório, a candidata ficará durante alguns dias de repouso, mas garantiu que na segunda-feira, dia 19, já estará liberada pelos médicos para retornar com todo vigor à campanha.Foi uma cirurgia resolutiva, que eliminou totalmente o problema, não havendo necessidade de nenhum procedimento complementar.  “Não vou precisar fazer mais nada. Foi uma dádiva de Deus ter percebido o problema e poder resolver prontamente”, disse Telma.A candidata contou que teve uma leve hemorragia quando retornou de uma viagem à China, no primeiro semestre deste ano, quando esteve integrando a comitiva do presidente Lula. Na época, procurou atendimento médico e o problema parou, mas voltou a se manifestar durante o primeiro turno das eleições.Ao decidir operar agora, entre o primeiro e segundo turno das eleições municipais, considerou as conseqüências que um adiamento poderia trazer. “Tive que tomar decisão com a minha pessoa, que é algo que antecede a deputada, a candidata”, disse, lembrando que este é um procedimento comum a muitas mulheres, mas no seu caso teve como complicador o fato de estar em plena campanha eleitoral, “preocupada com os debates, mas preocupada também em não desrespeitar o munícipe e dar conta da tarefa política que me dispus a fazer”.Depois de passar por mais uma experiência na vida, Telma, consagrada pela política de saúde que implantou quando governou Santos, disse que mais do que nunca irá lutar para garantir estrutura ao sistema público de saúde, principalmente na assistência à mulher. “A agilidade da ação evita que vidas se percam”.A candidata também falou das estratégias de campanha neste segundo turno das eleições. “O tempo curto exige uma ação mais concentrada. Vamos aproveitar os 10 minutos diários na TV para apresentar o futuro que queremos para os santistas”. Adiantou que, eleita prefeita, seu primeiro ato será reunir todas as forças políticas em um grande pacto social para governar a cidade.Telma concedeu a entrevista coletiva ao lado de seu vice, o promotor de Justiça Pablo Greco, e do coordenador geral da campanha, o economista Fábio Barbosa.

Leia também

TELMA COBRA CDHU E COHAB SOBRE REAJUSTE NO SÃO MANOEL

Ver mais

TELMA QUESTIONA MORTE DE MUNÍCIPE NA UPA APÓS DEZ ATENDIMENTOS 

Ver mais

TELMA COBRA VOTAÇÃO DE PROJETO QUE PROÍBE INCINERADORES DE LIXO EM SANTOS

Ver mais