17/03/2020

TELMA SOLICITA MEDIDAS PARA MERENDA ESCOLAR E TRANSPORTE PÚBLICO

Requerimentos foram apresentados na sessão desta segunda-feira (16)
 
Preocupada com as crianças, adolescentes e jovens que têm a merenda escolar como única refeição diária, a vereadora Telma de Souza solicitou à Prefeitura o fornecimento de alimentação para estes estudantes no período de fechamento das escolas por conta da pandemia de coronavirus. A parlamentar também cobra cuidados especiais no transporte público. Os requerimentos foram apresentados na sessão desta segunda-feira (16).

A Secretaria Municipal de Educação adotou como medida preventiva a redução das atividades escolares durante esta semana e o fechamento das unidades a partir da próxima segunda-feira (23).

"Muitas crianças possuem esta triste realidade e precisamos assegurar o direito básico à alimentação. Em algumas cidades, as escolas e creches abrirão somente no horário da merenda. Já em outras, serão fornecidos kits de alimentos aos alunos, para que a refeição possa ser feita em casa", explica a ex-prefeita de Santos.
 
A Prefeitura de Osasco irá abrir as escolas no horário do almoço para servir a merenda. Já a Prefeitura de Recife optou pelo fornecimento dos kits de alimentos, para que o consumo seja feito nas residências dos alunos. 

Telma ressalta que, independente da medida adotada, não haverá ônus aos cofres públicos. "O recurso para a merenda já está previsto no Orçamento. O nosso objetivo é garantir a alimentação destes alunos que possuem somente a merenda escolar como fonte de nutrição", acrescenta a vereadora.

Transporte público 
 
As más condições de circulação de ar e a ausência de climatização no transporte público, espaço propício à aglomeração, também foram abordadas pela vereadora em requerimento direcionado à Companhia de Engenharia e Tráfego (CET). 

Telma salienta que a Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta que locais fechados e com grande concentração de pessoas favorecem a proliferação do coronavirus. 

"Milhares de pessoas vão trabalhar de ônibus, que são ambientes fechados, com superlotação. Como o sistema de climatização dos ônibus de Santos só é acionado quando a temperatura passa dos 26 graus e as janelas são travadas, solicitei em requerimento que as janelas dos veículos sejam destravadaa para a circulação do ar ou que os motoristas recebam a permissão para ligar o ar-condicionado dos veículos", explica a parlamentar.
 

Leia também

TELMA REIVINDICA TESTE EM MASSA PARA A POPULAÇÃO 

Ver mais

TELMA QUESTIONA FALTA DE REMÉDIOS PARA GRIPE E TRATAMENTOS RESPIRATÓRIOS

Ver mais

TELMA: "CORONAVÍRUS AUMENTARÁ DEMANDA POR SERVIÇO DE SAÚDE MENTAL E EXIGE PLANEJAMENTO DA PREFEITURA"

Ver mais